Carolina Botura

As coisas quando não são mais elas

Carolina Botura (Botocatu, São Paulo, 1982)

 

Graduada em Escultura e Pintura pela Escola Guignard (UEMG, 2010-2015) e com passagens pelo curso de Letras, Literatura e Alemão (UFMG e UFOP, 2008-2010), Carolina Botura é uma das idealizadoras da Vespa – Via de Experimento em Performance e Ação e da  Ex tre ma  - Residência Artística e Festival de Punk Metal Noise e Música Experimental, sendo ainda integrante dos projetos sonoplásticos B∆siLåbUsi e O∆H.

 

Entre as suas coletivas em 2017, destacam-se: Fime - Festival Internacional de Música Experimental de São Paulo, Corpo-Presente - Residência Desenha  (Galeria de Arte do Sesiminas, Belo Horizonte), Vespa: Perfura - Perfura: Atelier de Performance (Sesc Palladium, Belo Horizonte), Videoformes Brazil (França), Mostra de Vídeo TimeLIne - Sesc Palladium, Belo Horizonte e Vespa Lo.cura LO_cuRa - (Galeria de Arte do Sesiminas, Belo Horizonte).

 

Em 2017, realizou as individuais Casa Para Um Animal na Galeria do BDMG Cultural (Belo Horizonte) e “∆” no  Espaço L∆V∆ (Belo Horizonte).

 

Em 2016, esteve em outras coletivas na Ex tre ma - Residência Artística e Festival de Punk Metal Noise e Música Experimental (Minas Gerais), II Prêmio Camelo de Arte Contemporânea (Belo Horizonte), O∆H - Flecha - Teatro de Bolso do  Sesiminas (Belo Horizonte), III Festival de Videoarte  MoveMundo (Minas Gerais), Residente da MIP - Manifesto Internacional de Performance (Belo Horizonte), Vocación de Fracasso (Quito, Equador) e Salão Nacional de Artes da Colômbia. Não Alimente as Esperanças - Intervenção Urbana - Mídias Táticas (Belo Horizonte), Ruído Gesto - Festival de Performance e Vídeo-Performance (Porto Alegre), Residência e Festival Mulheres Cisperformers - Perpendicular Faz Curadoria (Belo Horizonte), Cine de Rua Feminista - Virada Cultural (Belo Horizonte), II Mostra Feminista de Arte e Resistência (Belo Horizonte), Festival Instantâneo  de Performance Urgente- Quarta Função (São Paulo), II Festival Internacional de Performance/Ação/Sonora/Vídeo - Vespa FX2, Saldo Positivo - Mega Saldão Casa Camelo (Belo Horizonte).

 

Em 2015, destaca-se na Residência Artística Línea Imaginária - La Multinacional (Quito, Equador), que a levou ao Hélice - Festival Internacional de Performance de Quito. Já em 2014, esteve na Residência em Ação e Performance - Co-Habitar al Cuerpo (Valparaíso, Chile).

1/2